"Sociedade Secreta" de Tom Dolby

quinta-feira, maio 05, 2011


"Sociedade Secreta" - Livro 1 da série Sociedade Secreta
Autor: Tom Dolby
Tradução: Richard Sanches
Editora: ID (selo da Ed. Moderna)
376 páginas


Sinopse: Um grupo obscuro que reúne os mais ricos e influentes de Nova York e recruta novos membros nos prestigiados colégios particulares de Manhattan, garantindo aos iniciados fama e sucesso e, mais tarde, lhes cobrando favores em troca. Mas quando o corpo de um jovem é encontrado no Central Park, com uma tatuagem que o liga à Sociedade, as coisas começam a fugir do controle e ganham outras proporções. Primeiro volume da série.


“Nós temos um estilo de vida para proteger”. Pg. 358

Alguém já se apaixonou por um livro só de olhá-lo pela capa, mas, depois de lê-lo, se decepcionou? Acho que isso acontece muito com quem gosta de ler, comigo já aconteceu várias vezes e, “Sociedade Secreta” é um exemplo. Criei muita expectativa pelo livro que tem um título atraente e sugestivo de suspense e armações, além de uma capa que não tem muito o quê falar, simplesmente bela, requintada. A mulher da capa parece uma boneca de cera (seria proposital?), não esboçando sentimentos, mas iluminada e com uma cruz ansata tatuada na nuca – símbolo daqueles que compõem a Sociedade Secreta.

A história do livro acontece nos dias atuais, na cidade de New York, e tem como personagens prinicipais quatro adolescentes com idades que giram em torno dos 16 anos. Phoebe é uma jovem recém chegada a NY juntamente com sua mãe, artista renomada, e que tenta se habituar às características da sua nova cidade, escola, amigos, etc; Lauren, uma legítima novaiorquina, popular no colégio, interessada em moda, mas que, em casa, lida com a mãe recém divorciada e frustrada profissionalmente; Patch mora com avó e é aspirante à cineasta, famoso por seu videolog, mas não vem de berço de ouro quanto os demais colegas; e Nick, melhor amigo de Patch e que, ao contrário deste, é de família influente na cidade e ambiciona ser um dos melhores promoters de NY. Todos estudam na conceituada escola de Chadwick.

Os dias seguem normalmente nas vidas desses alunos, até que, durante uma festa, todos – exceto Patch – recebem uma estranha mensagem em seus celulares: “Gansevoort street, 53 – 1:00 am. Você sabe o que fazer”. Esta era a convocação para serem iniciados em uma sociedade secreta, onde status, dinheiro e poder são as premissas. Todo o processo que envolve a iniciação e aceitação na sociedade é sinistro e misterioso, gerando desconfiança e curiosidade daqueles que a integram, principalmente daqueles que estão começando, o que não poderia ser diferente.  Os Iniciados não sabem o quê é a Sociedade e nem para que estão ali, mas fazem juramentos que trarão suas consequências.

Enquanto isso, Patch – único a não receber convite para integrar a Sociedade, sabe que seus amigos estão lhe escondendo algo e, de forma instintiva, acaba descobrindo muito mais que deveria sobre um grupo poderoso e perigoso e sua vida corre risco. A partir daí, são quatro jovens que não sabem bem até que ponto a sociedade interfere em suas vidas, cheios de dúvidas e rebeldia para algo com tantas regras inquestionáveis e acontecimentos inexplicáveis.

Olhando assim, dá para imaginar que o livro é cheio de suspense. Apesar disso, para mim, não foi um livro empolgante. Posso dizer que ele tinha tudo para ser um bom livro, afinal tratar de sociedades secretas, ambições humanas e falta de liberdade sempre dão pano para manga. Porém, de alguma forma, a trama não foi feliz, sabe?! A história parece que não anda, a abordagem é superficial, não aprofundando os segredos e não dando consistência aos fatos. Quando a gente começa a achar que algo vai ser descoberto, o autor para e volta ao ponto de início, não tendo muitas revelações que façam a gente se entusiasmar e achar que algo vai acontecer. E isso vale também para o final do livro, momento em que finalmente pensei que fosse acontecer uma reviravolta, mas não, o que me frustrou um pouco. De forma geral, foi um livro que me causou poucas reações e este é só o primeiro título de uma série (o segundo ainda não foi lançado no Brasil), mas sinceramente não estou tão empolgada para a continuação.

Não poderia deixar de citar os inúmeros erros gramaticais e de digitação ao longo do texto, algo que poderia ter sido verificado em uma revisão mais atenta. Se tivessem sido poucos erros, não precisaria citar, mas foram realmente vários. Sinceramente, isso me tira a concentração durante a leitura. 

By Débora

Poderá gostar também

7 comentários

  1. Poxa, eu também estava esperançoso para ler este livro, havia lido uma sinopse legal no Skoob. Mas parece que, assim como Twilight, a sinopse vende bem, mas a história não é aquilo que se espera. Resenha bem estruturada hein, parabéns \o

    ;* http://livrosletrasemetas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha, mas fiquei decepcionada. O tema do livro era tão promissor... Eu até daria uma chance ao livro, mas erros gramaticais já é demais! Eu perco o foco totalmente =P

    ResponderExcluir
  3. Parece ser bom... Mas eh tipo uma imitação da série Rosa & Túmulo, neh??? Ihhh erros gramaticais numa editora grande como essa iD q eh derivada da Moderna é imperdoável!!!
    :)

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Indiquei vocês no meu blog para o Desafios Marcados
    http://blogkathleen.blogspot.com/2011/04/desafios-marcados.html

    Regras:Indicar cinco blog's e avisa-los;responder as perguntas;levar o banner.

    Bjkss [depois passo pra ver as respostas];*

    ResponderExcluir
  5. Ihhhh parece ser bem ruim mesmo, ainda não tinha ouvido falar do livro, mas agora não estou nem um pouco animada também.
    Bela resenha.
    Bjimmm
    >>>> http://infinita-vontade.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Saudaaaaaaaaaades de vim comentar aqui! HAHAHAHAHAHAHA
    Enfim, parei.
    primeiro: parabéns pela ótima resenha! *-*
    Mas né.. como assim, plágio na cara dura? Eu só conhecia "Sociedade Secreta" da Diana Peterfreund, mas esse... e depois dessa resenha, nem me animei muito não. IAUHIAUHIAU
    Parabéns, flores!

    Júlia, do Making me Dream!

    ResponderExcluir
  7. bom a respeito do livro, eu esperava um pouco mais da história!
    Mesmo assim adorei essa resenha, está ótima!
    Parabens!

    http://viciadasliterariamente.blogspot.com

    ResponderExcluir

- É permitido divulgar o endereço do blog/site, desde que seja feito em um comentário a respeito do post.
- Comentários realizados apenas para divulgar blogs/sites/promoções serão apagados.
- Utilize o formulário de CONTATO para avisos a respeito de memes/promoções/parcerias.

Popular Posts

Twitter

Instagram