"O Guia do Mochileiro das Galáxias" de Douglas Adams

segunda-feira, novembro 07, 2011

"O Guia do Mochileiro das Galáxias" - Livro 1 da série O Guia do Mochileiro das Galáxias
Autor: Douglas Adams
Tradução: Carlos Irineu da Costa e Paulo Fernando Henrique Britto
Editora: Sextante
156 páginas

Sinopse: Arthur Dent tem sua casa e seu planeta (sim, a Terra) destruídos em um mesmo dia, e parte pela galáxia com seu amigo Ford, que acaba de revelar que na verdade nasceu em um pequeno planeta perto de Betelgeuse. Considerado um dos maiores clássicos da literatura de ficção científica, este livro vem encantando gerações de leitores ao redor do mundo com seu humor afiado. Este é o primeiro título da famosa série escrita por Douglas Adams, que conta as aventuras espaciais do inglês Arthur Dent e de seu amigo Ford Prefect.
Leia mais.



Heey! Hoje venho para resenhar um dos maiores clássicos da literatura de ficção científica! Antes de começar, quero informar que adquiri TODOS os livros desta série (5 no total) através de um super desconto no Submarino, que estava vendendo o kit por apenas R$19,90! :O E o preço original é R$99,90! Imperdível, né?! Fiquei super feliz com essa aquisição!!! Bom, comentários à parte, vamos para a resenha.

No primeiro volume da série, conhecemos Arthur Dent — um inglês — e Ford Prefect, seu melhor amigo. O livro já começa mostrando a rotina, um tanto quanto tediosa, de Arthur. Naquele dia, tudo estava prestes a mudar a vida dele, a começar pela demolição de sua casa para dar lugar a um desvio. 

Já Ford — um ET disfarçado de humano para passar despercebido enquanto fazia uma pesquisa na Terra —já sabia que aquele dia não era um qualquer: o nosso planeta iria ser destruído dentro de alguns instantes. Graças aos conhecimentos de Ford, ele e Arthur conseguem escapar desse desastre, embarcando numa aventura divertidíssima na galáxia.

Já na capa, tem o aviso: Não entre em pânico. Posso falar uma coisa? Impossível!!! Sinceramente, eu fiquei em pânico pela situação do Arthur. Imagine acordar, como se tudo tivesse normal sem saber que, daqui a pouco, tu vai estar perambulando por uma galáxia até então desconhecida e passando por situações inusitadas! Não tem como manter a calma! Hahaha 

Outro ponto fundamental, e que não poderia deixar de comentar aqui, são as tiradas, ironias e deboches que Douglas faz a várias instituições da vida real, o que, pessoalmente, achei super interessante.

Como vocês podem notar lá em cima, nas informações sobre o livro, ele é bem curtinho (menos de 200 páginas). Mas isso não foi um problema pra mim. O livro conseguiu me cativar em poucas páginas. O que mais posso falar? Douglas Adams, além de ser um gênio da ironia hehehe, também é da física. Calma aí, ninguém precisa se assustar com a palavra física. Vou explicar: como vocês sabem, o cenário da história é a galáxia, algo até então desconhecido por nós. Muitas vezes a parte divertida da história, para mim, foram as vezes em que os dados apresentados eram relacionados com a física... e olha que eu não sou fã de física e nem uma expert, e deu para dar umas boas risadas.

"R é uma unidade de velocidade definida como uma velocidade razoável para se viajar, compatível com a saúde física e mental dos viajantes e garantindo um atraso não maior do que cinco minutos, mais ou menos. É, por conseguinte, uma grandeza quase infinitamente variável, que depende das circunstâncias, já que os dois primeiros fatores variam não apenas em função da velocidade absoluta do veículo, mas também em função da consciência do terceiro fator. A menos que seja abordada com tranquilidade, essa equação pode resultar em estresse, úlceras e até mesmo morte." (pg. 153)

Viram? Totalmente compreensível. Também é muito engraçado os personagens não-terráqueos, como por exemplo Ford uhuu e Zaphod, que eram desprovidos de entender alguma piada ou algo do tipo... em outras palavras: interpretavam tudo ao "pé da letra":

"— Ah — disse Arthur —, não foi nada...
— Nada? — disse Zaphod. — Bem, então não se fala mais nisso. Computador, vamos aterrissar." (pg. 101)

Esse Zaphod e Ford são umas figuras!! Em questão de personagens engraçados, eles ganham em disparada. Enfim, sem mais delongas... Se tu gosta de ler ficção científica e ainda não leu essa série, não perde tempo. Leia! Fãs de Star Trek e Star Wars leiam hahaha.

By Alessandra

Poderá gostar também

7 comentários

  1. Quando comprei essa série, ela estava a 49,90 - também no submarino. Mas confesso que me arrependi porque não gostei muito =/
    Beijão

    ResponderExcluir
  2. Eu também comprei os cinco por esse preço na Submarino, haha.

    Eu já li e adorei!
    Realmente, o jeito do Douglas Adams escrever é cativante, e eu ficava rindo que nem uma louca no meu quarto, o povo até achava que eu tinha enlouquecido para ficar rindo sozinha, haha.
    O que eu achei mais engraçado é naquela parte que o Arthur diz (não lembro exatamente como tava escrito, então...) - Bem que eu poderia ter ouvido minha mãe quando era pequeno. Ford: - Por que? O que ela dizia? Arthur: - Não sei, eu não ouvia.

    HAHAHA.

    Beijos,
    Sonhos de Garota

    ResponderExcluir
  3. Também comprei pelo submarino, mas paguei mais barato ainda: dezessei reais e alguns centavos.
    E agora fiquei ainda mais interessado em ler os livros ao saber que vc aprovou o primeiro da série...
    Infelizmente, com as provas se aproximando, acho que só vou poder ler nas férias...
    Ótima resenha!
    Abraço,
    Alexandre.
    [url]www.alemdacontracapa.blogspot.com[/url]

    ResponderExcluir
  4. Oi Alê!
    Um dia ainda compro essa série, o submarino adora colocá-la em promoção!
    É realmente um clássico e parece ser muito engraçado e divertido!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. HAHAHA, divertida mesmo essa parte da física!! Pelo visto, o enredo da história convida o leitor a entrar de cabeça no livro!! Eu gostaria de presenciar uma viagem assim!!! Super divertido!!

    Bjs do João!!!!
    (http://www.minutomix.com/)

    ResponderExcluir
  6. Eu li esse primeiro volume e gostei, mas apesar disso, acho que esperava mais. É um "classico" da ficção cientifica, né? É bem hilario e divertido, uma boa leitura. Mas um pouco nonsense, demais. Gostei muito do Marvin, muito fofo. A confusão de Arthur é engraçadissima. :) Boa resenha!
    Não conhecia o Introducing you to a book, mas já estou seguindo. Curti bastante.

    Beijos
    www.mulhergostadefalar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Queria muito ler esse livro parece ser bem legal, adorei a resenha. Bjs

    "Flor de lis"
    sucessoparaseublog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

- É permitido divulgar o endereço do blog/site, desde que seja feito em um comentário a respeito do post.
- Comentários realizados apenas para divulgar blogs/sites/promoções serão apagados.
- Utilize o formulário de CONTATO para avisos a respeito de memes/promoções/parcerias.

Popular Posts

Twitter

Instagram