Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Os livros dignos de Oscar 2012



Olá galera! Como estão?

Quem acompanhou ontem o Oscar viu que vários filmes inspirados em livros estavam concorrendo para levar a estatueta para casa.

Pois é... como bem sabemos, Cinema e Literatura estão fortemente ligados e, por causa disso, nada mais justo do que fazer um post relacionando ambos. 

Vamos à lista dos livros que foram adaptados para o cinema e que estavam participando do Oscar de ontem?! :D




"Cavalo de Guerra" foi baseado no livro "War Horse", de Michael Morpurgo, lançado em 1982.

Como filme, concorria nas categorias: Melhor filme; Melhor trilha sonora; Melhor fotografia; Melhor Mixagem de som; Melhor edição de som; Melhor direção de arte.

Como já era esperado por alguns críticos, não levou nenhum Oscar pra casa.



"O Espião que sabia demais", do escritor John le Carré (também autor de "O Jardineiro Fiel") foi um livro que nem sabíamos que tinha sido adaptado para as telonas, apesar de já ter sido produzido anteriormente para a TV, no formato de minissérie, intitulada  "Tinker, Tailor, Soldier, Spy" em 1979.

Também não levou nenhum Oscar para casa. Estava concorrendo nas categorias: Melhor Ator (Gary Oldman); Melhor roteiro adaptado; Melhor trilha sonora.


Inspirado no livro "Moneyball: The Art of Winning an Unfair Game", de Michael Lewis, a história que conta fatos reais, virou filme com Brad Pitt como protagonista.

Apesar de concorrer em categorias importantes como as de Melhor filme, Melhor ator (Brad Pitt), Melhor ator coadjuvante (Jonah Hill), Melhor roteiro adaptado, Melhor edição e Melhor mixagem de som, a versão filmográfica não ganhou nenhum Oscar. 




Baseado no primeiro livro de Kaui Hart Hemmings, cujo lançamento no Brasil coincidiu com a estreia do filme homônimo em janeiro de 2012, "Os Descendentes" estava entre os favoritos para levar a estatueta em algumas categorias em que concorria. 

Apesar disso, levou apenas o Oscar de Melhor roteiro adaptado,  perdendo nas categorias de Melhor filme, Melhor diretor (Alexander Payne), Melhor ator (George Clooney) e Melhor edição. 


A trilogia Millenium, escrita pelo sueco Stieg Larsson, também foi outra adaptação que se fez presente no Oscar por meio do seu primeiro título "Os homens que não amavam as Mulheres".  

Apesar do livro já ter sido adaptado para o cinema na Suécia, Hollywood não pensou duas vezes e partiu para uma refilmagem em um curto espaço de tempo. Como resultado do trabalho, concorreu com sua versão nas categorias de Melhor atriz (Rooney Mara), Melhor mixagem de som, Melhor fotografia, Melhor edição de som e Melhor Edição, ganhando esta última. 


O livro  "Extremamente Alto e Incrivelmente Perto", escrito por Jonathan Safran Foer e lançado em 2005, chamou a atenção do produtor Scott Rudin. Foi ele quem correu atrás de viabilizar a adaptação cinematográfica.

Concorria nas categorias de Melhor ator coadjuvante (Max Von Sydow) e Melhor filme, mas acabou não levando a melhor em nenhuma das duas.



Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 2 é o último dos oito filmes da série baseada nos livros de J.K. Rowling.

Apesar de concorrer em categorias técnicas como Melhor maquiagem, Melhor direção de arte e Melhores efeito especiais, o filme não ganhou nenhuma estatueta, o que, ao nosso ver, foi injusto. Tinha "A invenção de Hugo Cabret" como principal concorrente nessas categorias. É... parece mesmo que a saga Harry Potter não agrada a Academia.



A adaptação para os cinemas do livro infantil "The Invention Of Hugo Cabret", de Brian Selznick, parecia ser o queridinho da noite.

Levou a estatueta do Oscar nas categorias técnicas de Melhor fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor edição de som, Melhor mixagem de som e Melhores efeitos visuais. Além dessas categorias, também concorria nas de Melhor filme, Melhor Diretor, Melhor roteiro adaptado, Melhor trilha sonora, Melhor edição, Melhor figurino, Melhor direção de arte e Melhores efeitos especiais.



O livro de Kathryn Stockett, no qual Histórias Cruzadas é baseado, permaneceu na lista de best sellers do jornal New York Times por 103 semanas,  sendo que em seis delas ocupou o primeiro lugar.

Ganhou na importante categoria de Melhor atriz coadjuvante (Octavia Spencer), muito merecido por sinal. Também concorria nas de Melhor filme e Melhor atriz (Viola Davis).







Baseado no clássico personagem dos quadrinhos do belga Hergé,a adaptação filmográfica do livro concorria apenas na categoria de Melhor trilha sonora, mas acabou não ganhando a estatueta.







E vocês? O que acharam dos ganhadores da noite do cinema? Alguma decepção ou surpresa? Nós particularmente gostamos, mas ficamos com um nó na garganta por Harry Potter não ter levado nenhum Oscar, mesmo no último filme da série... 

sábado, 25 de fevereiro de 2012

"Glimmerglass: O encontro de dois mundos" de Jenna Black

"Glimmerglass: O encontro de dois mundos" - Livro 1 da série Faeriewalker
Autora: Jenna Black
Tradução: Cristina Calderini Tognelli
296 páginas

Sinopse: Dana Hathaway ainda não sabe, mas vai acabar se metendo em apuros quando decide que é a hora de fugir de casa para encontrar seu misterioso pai na cidade de Avalon: o único lugar na Terra onde o mundo real e o mágico se cruzam. No entanto, assim que Dana põe os pés em Avalon, tudo começa a dar errado, pois ela não é uma adolescente comum – ela é uma faeriewalker, um indivíduo raro que pode viajar entre os dois mundos e a única pessoa que pode levar magia ao mundo humano e tecnologia a cidade de Faerie. Leia mais.





Demorou um pouquinho pra sair a resenha devido aos problemas técnicos que já comentamos aqui no blog, mas cá estamos.

Antes de começarmos a falar de fato da história, precisamos comentar a capa desse livro: divina. Quem acompanha blogs literários provavelmente já ouviu ótimos comentários a respeito da arte dessa capa que, simplesmente, chama os nossos olhos. A editora Universo dos Livros está de parabéns pelo trabalho. 

A capa, com esse toque de magia, passa bem a atmosfera féerica que será o tema abordado no livro que tem Dana como protagonista, uma adolescente americana de 16 anos. Dana, apesar da pouca idade, assume responsabilidades do mundo adulto ao ter que cuidar de si e de sua mãe alcoólatra e depressiva, em mudanças constantes de cidades, o que faz com que ela não estabeleça vínculos com ninguém. Essa 'fuga' permanente nos cativa logo nas primeiras páginas do livro, pois nos faz perguntar qual o mistério por trás disso. 

Cansada dos problemas maternos e da instabilidade de uma vida sem endereço fixo, Dana resolve ir atrás de seu pai, Seamus Stuart, buscando o suporte e a atenção que considera ideais. É assim que Dana vai parar em Avalon, uma cidade entre os limites do mundo mágico (féericos) e real (humanos). No livro, Avalon não é uma cidade escondida ou mantida em segredo, pelo contrário, ela está presente até em guias turísticos. "A magia singular de Avalon era a de que a cidade existia tanto em Faerie como no mundo mortal - era o único local em que os dois planos de existência se sobrepunham". (pg. 14) Mas, ao colocar os pés em Avalon, os planos de Dana não seguem conforme o previsto e, a partir daí, a história se desenrola misturando muita intriga, suspense e romance.

Esse é o primeiro livro que lemos da autora Jenna Black e podemos dizer que ela tem uma escrita maravilhosa que nos conquistou. A narrativa flui com bastante naturalidade, com diálogos bem desenvolvidos e divertidos. Não só os diálogos são como também alguns pensamentos de Dana - que é quem narra a história.Demos boas risadas com as confusões e dúvidas da personagem.

Outro ponto positivo da escrita de Jenna é a capacidade de tocar no assunto do alcoolismo do ponto de vista de uma jovem, tornando a situação da personagem real através da verossimilhança, mas com certa leveza e humor. As situações que Dana enfrentava no colégio e em casa por causa da dependência de sua mãe nos passaram a sensação de pura realidade, favorecendo a nossa empatia por ela. Não a achamos enjoativa ou cansativa, mas verdadeira e engraçada, apesar dos problemas.

Além disso, juntamente com Dana, aprendemos um pouco mais sobre o 'mundo das fadas', pois a proposta do livro, para nós, era novidade. Já tínhamos lido livros envolvendo o mundo féerico, mas nenhum chegou a aprofundar questões sobre esses seres. Mas, dessa vez, pudemos esclarecer alguns temas como hierarquias e disputas entre seelie e unseelie. 

Ahh, não podemos esquecer de citar a construção do livro que foi composto com capítulos curtos e folhas amareladas, o que muito nos agrada ;) Leitura recomendada!

Já estamos com o Shadowspell aqui em casa e estamos ansiosas pela continuação e revelações que estão por vir! Logo logo, resenha da continuação sai aqui no blog. 

By Dé e Ale

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Nós apoiamos essa ideia!


Quem nunca se deparou com o dilema de assistir ao filme depois de ler o livro que o originou com medo de se decepcionar? Ou quem não conhece alguém que dispensou um livro por já ter visto o filme? Pois é, são perguntas que nós, book alcoholics, poderíamos ficar por horas debatendo, afinal sabemos que há muitas diferenças entre livros e suas adaptações para o cinema! 

Só no ano de 2010, 5 dos top 10 filmes sucesso de bilheteria foram baseados em livros, apesar da maioria que os assistiu não ter lido os livros. Foi pensando nisso que a campanha internacional "Read it First" (em português "Leia-o primeiro!) foi criada e queremos convidá-los a participar dessa iniciativa que, de cara, ganhou nosso apoio. 



Como vocês podem ver, não é objetivo dos idealizadores da campanha "Read it first" abominar a indústria cinematográfica, mas sim promover a leitura e a criticidade, afinal nós leitores também amamos filmes, não é mesmo ;) Apesar disso, é bem melhor não se limitar à visão do diretor e ter a liberdade de criar a nossa própria versão da história, deixar a imaginação voar...

E então, curtiu a ideia?! É só entrar no site, se cadastrar e 'fazer o juramento' de ler o livro antes do filme sempre que possível, informando seu nome e email. A partir daí, tu começará a receber informações dos livros que virarão filmes. Legal né?! Vão aderir à ideia?  

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

"Os Amores da Morte" de Julien de Lucca

"Os Amores da Morte" - Livro 1 da série Ahmnat
Autor: Julien de Lucca
Editora: Gutenberg
366 páginas

Sinopse: O que pode acontecer quando Morte e Destino brincam com o sentimento mais perigoso? Ahmnat é uma garota egípcia que, após uma vida cheia de turbulências, tristezas e mágoas, assume o cargo de Morte e passa a viver entre este mundo e o além-vida. Porém ela não está sozinha. Logo conhece Destino, responsável por escrever as vidas mortais, que fica surpreso e abismado ao vê-la no lugar de poderosa entidade. Destino propõe, então, um sádico jogo a Ahmnat: criará dez vidas mortais, humanos bem especiais, para tentar fazê-la se apaixonar por eles. Se Ahmnat se apaixonar por qualquer um, ela volta para a Terra como mortal novamente, dando a oportunidade de Destino reescrever sua vida. Caso contrário, será Destino quem se tornará mortal, permitindo que Morte venha buscá-lo pessoalmente.


Como eu estava ansiosa para começar a ler este livro. Quando bati o olho nele na livraria, não pude deixá-lo para trás. Tinha altas expectativas! Impressionante que logo nas primeiras páginas, tudo isso se perdeu um pouco... :( Infelizmente, peguei-me pensando: "poderia ter começado outro livro...". Pois é... apesar dos meus pensamentos não terem sido muito legais em relação a esse livro, tiveram sim pontos positivos que devo passar pra vocês.

A história começa há muito tempo atrás, na época em que o Egito era governado por Faraós, e termina no ano de 2004. Como é de se notar, o período prolongado favorece a utilização de diversos acontecimentos históricos. Foi com extrema inteligência que o autor Julien de Lucca interligou tais fatos, como o nascimento de Jesus, as realizações de Joana d'Arc, entre outros, com a ficção inventada por ele. Tudo se complementa.

Outro ponto positivo foi a forma que o autor fechou esse livro - admito que, graças a esse fechamento, eu decidi continuar e dar mais uma chance para a série. Com certeza, foi algo que me surpreendeu positivamente, o que é muito bom. A última frase me deixou com a 'pulga atrás da orelha' e abre possibilidade para uma ótima sequência. É devido à isso que eu acho que o segundo volume tem tudo para melhorar e, quem sabe, acabe me conquistando (às vezes, acontece do primeiro livro de uma série ser um tanto enfadonho e cansativo pela quantidade de explicações necessárias para a história).

Bom, mas até chegar ao final do livro, tive que encarar alguns pontos que me desanimaram bastante. A construção dos diálogos foi um deles - achei as falas um tanto forçadas, não mostravam naturalidade, principalmente no início do livro. Felizmente, do meio para o final, isso melhorou bastante (ou eu me acostumei) e começaram a fluir.

Além disso, a protagonista e narradora Ahmnat simplesmente não me agradou. Caracterizando de forma breve essa personagem, Ahmnat é uma garota egípcia que, após uma vida sofrida, morre de forma violenta. É durante a passagem para a outra vida (como os egípcios acreditavam) que Ahmnat entra em contato com seres divinos e outras entidades que a ajudam a se tornar "A Morte" personificada, cargo de extrema importância para os mundos mortal e imortal.  Logo, todas as ações e pensamentos dela eram voltados para a imagem de força, independência... no entanto, achei ela teimosa, birrenta e imatura na maior parte do tempo. Ela simplesmente fazia o que queria, sem se importar com as consequências de seus atos. Não gostei disso. Eu diria que ela estava 'abusando do poder' de Morte. Porém, Ahmnat tem uma característica que eu apreciei e que, de certa forma, é coerente com essa postura 'birrenta': a lealdade com sua palavra. 

Não poderia também deixar de fazer uma observação. Apesar da obra ser classificada como uma literatura juvenil (que, literalmente, abrange a faixa etária adolescente dos 10 aos 15 anos de idade), creio que certas cenas eram um tanto fortes para tal público. Pessoalmente, acho que o livro poderia ser destinado para pessoas maiores de 15 anos. Já no início do livro, nos deparamos com o abuso que Ahmnat sofre de seu irmão (e olha que não considero essa cena a mais forte...). Óbvio que o livro não é composto só com essas cenas, mas quando elas aparecem não as considero fraquinhas...

Enfim, durante a leitura, comentei diversas vezes com a minha irmã que, sinceramente, só o final para salvar a leitura... e, como disse anteriormente, isso aconteceu. Pretendo ler o segundo livro da série para ver se ela  fica mais interessante, mas, dessa vez, sem as grandes expectativas que eu tive com esse primeiro volume.

By Alessandra

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Série "Os Diários de Carrie" será adaptada!


Olá pessoal, tudo bem?!

Hoje viemos novamente com uma novidade para os fãs da série Sex and the City! 

Atriz Stefania Owen
Pra quem não sabe, a série "Os Diários de Carrie", que antecede cronologicamente a série "Sex and the City", será adaptada para a televisão pela CW. A atriz que viverá a irmã mais nova de Carrie, Dorrit Bradshaw, já foi inclusive contratada: a felizarda é Stefania Owen (Running Wilde). 

Não sabemos vocês, mas a gente estava tri atrasadinha em relação a isso... primeiro, nem sabíamos que a série literária seria adaptada (apesar de saber que a probabilidade disso acontecer era grande), quiçá que atores já estavam sendo contratados (ninguém nos chama hehehe)!

Procurando mais informações sobre, chegamos a ler que a autora Candance Bushnell chegou a revelar que gostaria de ver Miley Cyrus no papel da protagonista Carrie Bradshaw (nos desculpem os fãs, mas aí não dá né?!)

O episódio-piloto terá Josh Schwartz (Gossip Girl) como produtor-executivo e Amy Harris, ex-produtora e roteirista de Sex and the City (atualmente colabora com Gossip Girl), na adaptação do piloto de The Carrie Diaries. Harris também será produtora-executiva. Candance Bushnell, a escritora do livros, completa a equipe.

Enfim, pra quem se interressar, aqui no blog já resenhamos o primeiro livro da série - "Os Diários de Carrie". O segundo volume, "O Verão e a Cidade", foi lançado recentemente pela Galera Record. Agora é esperar pra ver o resultado da adaptação...

Os dois volumes da série publicados pela Galera Record

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Na minha Caixa de Correio #2

Olá galera! Aproveitando o feriado de Carnaval para ler bastante?! :D Vamos ver o que chegou pra nós nessas últimas semanas?

O primeiro livro que recebemos, em parceria com a editora Baldon, foi "Um Amor, Um Verão, e o Milagre da Vida...". Baseado em fatos reais, é primeiro livro da autora Isa Colli.
A editora tinha conversado conosco via e-mail, mas a chegada do livro foi uma surpresa, pois, até então, só a versão virtual tinha sido disponibilizada para a gente.

O próximo livro é "A Breve Segunda Vida de Bree Tanner", da autora Stephenie Meyer e publicado pela editora Intrínseca
Vimos no blog da Mi (Minha Vida Literária) que a loja Americanas (detalhe: a loja física) estava com preços bem acessíveis em alguns livros. Como esse já estava algum tempo na nossa wish list, então não perdemos tempo. A Ale comprou esse livro por R$4,99. Não tinha como não comprar, né? ;P

Por último, mas não menos importante, "Shadowspell: o misterioso reino de Avalon", da autora Jenna Black em parceria com a editora Universo dos Livros.
Esse livro é o segundo volume da série Faeriewalker. Junto com o livro, a editora enviou dois marcadores!! *-* E nem precisamos comentar que essa capa é DI-VI-NA!!! hahaha

Por hoje era isso pessoal!!! Gostamos de tudo que chegou pra gente! E vocês? O que acharam dessa segunda "Na minha Caixa de Correio"??

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Anote aí: "O Circo da Noite" da Ed. Intrínseca


Para assistir à entrevista com a autora, clique aqui;
Para assistir ao booktrailer, clique aqui;
Para ler o primeiro capítulo do livro, clique aqui.

É a primeira vez que ouvimos falar desse livro, mas, depois do booktrailer, bateu uma pontinha de curiosidade (tem um ar de mistéeeerio)! E vocês, também ficaram curiosos?!

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Introducing you a Movie: "Os Descendentes"

FICHA TÉCNICA:
Diretor: Alexander Payne
Produção: Jim Burke, Alexander Payne, Jim Taylor
Roteiro: Alexander Payne, Nat Faxon, Jim Rash, baseados na obra de Kaui Hart Hemmings
Fotografia: Phedon Papamichael
Ano: 2011
País: EUA
Gênero: Comédia Dramática


Sinopse: Matt King (George Clooney) é um marido indiferente e pai de duas meninas, que é forçado a reexaminar seu passado e abraçar seu futuro depois que sua esposa sofre um acidente de barco em Waikiki. O trágico acontecimento acaba por aproximar Matt das filhas, o que o ajuda na difícil decisão de vender um terreno herdado da família.



Depois de receber dois Globos de Ouro, nas categorias de melhor filme dramático e melhor ator (para George Clooney), e cinco indicações ao Oscar, o filme "Os Descendentes" finalmente chegou ao Brasil. Sucesso entre os americanos, o longa é baseado no romance de Kaui Hart Hemming e nos apresenta Matt King (George Clooney), um advogado bem sucedido. Pai de duas meninas, o homem é forçado a restabelecer relação com as filhas depois que sua esposa sofre um acidente de barco e entra em coma.

Apesar de se passar no Havaí, "Os Descendentes" mostra que o local também pode ser cenário de histórias comoventes. Recheado de interpretações sutis, com emoções verdadeiras por parte dos atores, o drama familiar foi uma grande sacada do diretor Alexander Payne! O tom de tristeza, abordado com muita naturalidade por sinal, foi inserido sem a necessidade de cenas fortes ou qualquer outro subsídio mais apelativo. Aliás, a comédia aparece no filme como uma forma de quebrar toda melancolia existente. Sou adepto da risada como solução de qualquer problema, então, achei genial a ideia. hehe


Devido à forte carga emocional, acredito que "Os Descendentes" não será apreciado por todos os públicos. Recomendo assistirem para depois tirarem suas conclusões. Quando à indicação ao Oscar, o filme certamente levará alguma estatueta para casa (FATO). Ainda não tive tempo de assistir "O Artista", outro forte concorrente, mas creio que a disputa pelo prêmio mais cobiçado da noite ficará entre as duas produções. Agora, façam suas apostas!!




Trailer:

By João Alexandre

domingo, 12 de fevereiro de 2012

"A Maldição do Tigre" de Colleen Houck

"A Maldição do Tigre" - Livro 1 da série A Maldição do Tigre
Autora: Colleen Houck
Tradução: Raquel Zampil
Editora: Arqueiro
352 páginas

Sinopse: Paixão. Destino. Lealdade. Você arriscaria tudo para salvar seu grande amor? Kelsey Hayes perdeu os pais recentemente e precisa arranjar um emprego para custear a faculdade. Contratada por um circo, ela é arrebatada pela principal atração: um lindo tigre branco. Kelsey sente uma forte conexão com o misterioso animal de olhos azuis e, tocada por sua solidão, passa a maior parte do seu tempo livre ao lado dele. O que a jovem órfã ainda não sabe é que seu tigre Ren é na verdade Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos, e que ela pode ser a única pessoa capaz de ajudá-lo a quebrar esse feitiço. Determinada a devolver a Ren sua humanidade, Kelsey embarca em uma perigosa jornada pela Índia, onde enfrenta forças sombrias, criaturas imortais e mundos místicos, tentando decifrar uma antiga profecia. Ao mesmo tempo, se apaixona perdidamente tanto pelo tigre quanto pelo homem.


A editora Arqueiro, parceira aqui do blog, tinha enviado esse livro no final do ano passado. Devido ao estresse do vestibular, adiei a leitura, só tento a oportunidade de lê-lo agora. O que posso dizer? Arrependo-me de ter demorado tanto para pega-lo da estante! hahaha Sinceramente, o livro me conquistou já nas primeiras páginas. É muuuuito envolvente. Às vezes, vemos a qualidade do livro devido a rapidez (ou não) que tu acaba a leitura. Eu devorei esse livro. Eu acordava, comia, ia dormir, tudo pensando na história. 

Lendo a sinopse, logo acima, já podemos ter uma ideia da história. Kelsey está prestes a começar a faculdade. Ela precisa arranjar um emprego temporário para conseguir pagar os estudos. O único trabalho que ela consegue é como ajudante em um Circo por duas semanas. Claro que não estava em seus planos cuidar de um tigre, mas era a única chance de garantir uma vaga na faculdade. Kelsey mal sabia que esse 'humilde' trabalho iria mudar o rumo de sua vida.

"A Maldição do Tigre" é o primeiro livro que eu leio da autora. Com certeza, tanto a obra como Colleen entraram para a minha lista de favoritos!! Reunido em apenas um livro, temos aventuras ao estilo Indiana Jones, conflitos, mistérios, romance, entre outros, de alta qualidade. 

Não há nenhum ponto negativo em relação a este livro. Tudo bem que tiveram momentos em que eu me irritei um pouco com a Kelsey, mas os temores dela fazem sentido, logo não considero algo negativo... pois faz parte da leitura você se envolver com o personagem... seja rir, chorar, se irritar... enfim.  Então, vou comentar sobre os pontos positivos! :D

Colleen criou personagens e uma história fascinante e, ao mesmo tempo, inovadora. Misturando mitologia indiana (até então nunca tinha visto um livro de ficção abordar esse assunto) com um romance lindo!! *-* A autora conseguiu conciliar ambos os assuntos sem deixar o romance muito enjoativo e forçadinho.  

O Ren, tanto como tigre e homem, me conquistou. Quando ele se via na forma de animal, não havia a necessidade de diálagos para saber o que ele estava sentindo. O Ren homem já era pra tu ficar sorrindo que nem uma abobada enquanto lia as suas conversas com Kelsey. Como ela fala, o Ren homem é irresistível. hhahaha Creio que o amor que um sente pelo outro não foi construído pelas aparências. 

Kelsey, logo quando conheceu o Tigre, se sentiu à vontade e um certo carinho por ele, sem mesmo saber que se tratava de um homem preso a uma maldição. A questão da aparência irresistível do Ren homem só foi um plus. Já Ren, viu que Kelsey foi a primeira pessoa a tratá-lo com carinho e respeito, sem saber que o Tigre se tratava, na verdade, de um homem. Ela conversava com o Tigre, lia poesias em voz alta... enfim! Ambos já se sentiam próximos e à vontade perto um do outro. S2

O fato de Ren só dispor de 24 minutos por dia na forma humana, faz com que ansiemos e aproveitemos ao máximo o Ren homem!! 

A relação entre Kelsey e o Sr. Kadam também é muito linda. Como Kelsey tinha perdido os pais recentemente em um acidente de carro, o Sr. Kadam foi como um pai para ela durante toda essa aventura na Índia. Na verdade, não só para ela como para Ren também. Ele é o 'mestre' vamos supor... sempre otimista e sábio. Ele sempre faz tudo que estiver ao seu alcance para ajudar Ren e Kishan, ambos irmãos.

O que falar de Kishan? Outro também sedutor que nem o Ren, mas pouco explorado nesse primeiro volume da série, já que ele aparece mais pro final do livro. Claro, ele também tem um papel importante nessa jornada. Já no final do livro, temos já um gostinho do que está por vir no próximo volume. Tenho certeza que terá mais de Kishan na continuação. ;)

E o que falar da capa??? MARAVILHOSA! Não só essa, como também do segundo volume da série: "O Resgate do Tigre"!

Nem sei se a minha resenha consegue fazer jus a "A Maldição do Tigre". Mas peço que, para quem curte o gênero, leia! Está recomendadíssimo. E quem tinha visto mas não se interessou, dê uma chance!! É bem provável que tu fique viciada na leitura que nem eu! Colleen está de parabéns!!!

E atenção, "A Maldição do Tigre" irá virar filme!!! Não sei se fico feliz ou não! hahaha Mas a história tem todas as características para dar certo! ;)

By Alessandra

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Novidades Editora Novo Conceito e Galera Record


Olá pessoal, tudo bem com vocês?!

Hoje viemos com duas novidades literárias que adoramos :)

A primeira delas é da Editora Novo Conceito, que essa semana divulgou o booktrailer do romance que chegará às livrarias ainda este mês: "Presentes da Vida" de Emily Giffin. Pra quem não lembra, esta também é a autora de "Questões do Coração" e "Ame o que é seu", publicados no Brasil pela Novo Conceito. 


Sinopse: Darcy Rhone sempre teve todos os homens aos seus pés. Tinha um emprego glamouroso, um seleto círculo de amizades e um noivo perfeito, Dexter Thaler. No entanto, tudo mudou quando Darcy se envolveu com o melhor amigo de seu noivo... Seu noivado acabou e perdeu sua melhor amiga, Rachel.
Incapaz de assumir responsabilidades e de enfrentar todo esse mal-estar, Darcy foge para Londres, para a casa de um amigo de infância, imaginando que poderia passar uma borracha em tudo isso. Mas, para seu desânimo, Londres se torna um mundo estranho, onde seus truques de sedução não mais funcionam e onde sua sorte parece ter se evaporado. Sem amigos nem família, Darcy precisa dar novo rumo à sua vida e, assim, começa uma linda trajetória rumo ao crescimento e ao amor.





Já a Editora Galera Record vem com uma super novidade para os fãs da série Sex and the City. Para divulgar o novo livro da autora Candance Bushnell, a editora lançou o concurso cultural de "O Verão e a Cidade". Aqueles que participarem concorrerão a uma estadia no Club Med Rio da Pedras com direito a três acompanhantes. Ficou afim? É só ler mais informações aqui


Sinopse: Carrie Bradshaw vai para a grande cidade frequentar um curso de escrita, dado por um professor famoso. Vive deslumbrada com a vida em Nova Iorque mas as desilusões sucedem-se. À medida que vai penetrando nos meandros da vida citadina, começa a travar conhecimento com aquelas que serão as grandes amigas na sua idade adulta. Primeiro, conhece Samantha, depois Miranda. Escreve uma peça de teatro, que não tem ponta por onde se lhe pegue. Apaixona-se por um homem mais velho que, ao saber que ela faz 18 anos nesse dia, foge literalmente da cama e a põe na rua. Acaba por perder a virgindade nesse mesmo dia, com um colega da mesma idade. O Verão acaba e Carrie regressa a casa, uma vez que não arranjou maneira de ficar em Nova Iorque. Vai no comboio quando... Querem ver que vamos ter um terceiro romance?





Bom, nós adoramos essas novidades e já anotamos aqui! E vocês, gostaram do que vem por aí?

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

"O Clube do Biscoito" de Ann Pearlman

"O Clube do Biscoito"
Autora: Ann Pearlman
Tradução: Sibele Menegazzi
Editora: Bertrand Brasil
294 páginas

Sinopse: Todos os anos, na primeira segunda-feira de dezembro, Marnie e suas doze amigas mais íntimas se reúnem para uma festa, trazendo um montão de biscoitos caseiros lindamente embrulhados. Além dos biscoitos, todas devem comparecer com quitutes, vinho e, lógico, muitas e deliciosas histórias. Este ano, por diversos motivos, o encontro será especialmente importante. A filha mais velha de Marnie está passando por uma gravidez de risco. Quem sabe, ao fim da reunião, vamos descobrir como terminará essa história. O pai de Jeannie está traindo a esposa com a melhor amiga da filha. Quem mais sabe sobre o caso? Mesmo entre amigas tão íntimas quanto elas, será possível simplesmente passar uma borracha e perdoá-los? O marido de Rosie não quer filhos; ela precisará decidir, muito em breve, se isso é motivo para terminar tudo. E não para por aí: após ser deixada pelo marido, a vida financeira de Taylor está em derrocada. Cada mulher, cada amiga tem uma história para contar, e elas estão todas entrelaçadas, assim como suas vidas.

Olá pessoal, tudo bem?!

Hoje a resenha é do livro “O Clube do Biscoito”, da autora Ann Pearlman. Em uma palavra, é um livro de-li-ci-o-so. Diferente dos últimos livros que li ultimamente, mas com um tema que eu adoro e sempre me conquista. Estou falando da amizade, mas dessa vez entre mulheres de diferentes faixas etárias que dividem suas conquistas e perdas no encontro anual que promovem na época do Natal: o Clube do Biscoito em que, como diz o slogan do livro, “o ingrediente mais importante é o amor”.

A história do livro é narrada por Marnie, uma mulher na faixa dos 50 anos, mãe de Sky e Tara, e que, apesar das desilusões amorosas que já teve, ainda acredita poder dividir uma vida ao lado de uma pessoa. É Marnie uma das fundadoras e, por isso, a biscoiteira líder do Clube do Biscoito que nada mais é do que o encontro de 13 amigas na primeira segunda-feira de dezembro.  Todo ano, elas se reúnem em clima natalino para compartilhar suas vitórias e tristezas e abrir o baú da memória, revivendo momentos marcantes que já tiveram. Tudo isso acompanhado pelos mais deliciosos biscoitos que cada uma prepara especialmente para a data e distribuem entre si e para a caridade.  

O livro é construído com cada capítulo destinado à apresentação de uma das amigas do Clube do Biscoito, mas contado sob a perspectiva de Marnie em forma de flashback.  As histórias de todas essas mulheres se costuram e convergem para o ponto comum: o encontro de todas elas para a reunião do clube que já ocorre há anos. Por causa disso, o clube se torna o momento de confraternização e partilha de alegrias, romances, inseguranças, nascimentos, perdas e ganhos. São as mais diversas histórias, desde mudança de emprego, de cidade, divórcios, traições até superação de câncer, abortos, abusos e perdas de entes queridos, o que fortalece os laços de amizade e, por serem o retrato da vida, emocionam e comovem o tempo inteiro.

“O clube do biscoito, no fundo, é um lembrete da alegria. E, é claro, um lembrete de que as amigas sempre ajudam umas às outras a suportar chateações e a celebrar alegrias”. (pg. 08)

Porém, não foram só as belas histórias que me conquistaram. Toda a parte de diagramação está igualmente de parabéns. A capa é linda e traduz bem o clima natalino e gastronômico do livro. Admito que foi o que primeiramente me seduziu e que me fez querer comprá-lo. Além disso, no início de cada capítulo, é apresentada a receita do biscoito que cada biscoiteira está levando para o encontro, assim como curiosidades de alguns ingredientes. Preciso dizer que, a cada capítulo, queria sair correndo pra cozinha pra preparar essas delícias?!

Enfim, a leitura de “O Clube do Biscoito” foi muito agradável e gostosa, mesmo tratando de assuntos por vezes dolorosos. Entretanto, a forma da autora escrever tem um certo tom que torna a leitura leve, doce... acho que é o ingrediente “amor” (ui, Sazón feeling). Talvez isso se deva ao fato de existir um clube do biscoito do qual a autora é biscoiteira, como ela mesmo conta nos agradecimentos... who knows?!  Recomendo a leitura a todos! E alguém aí tá afim de fundar um clube?!

By Débora

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Na minha Caixa de Correio #1

Olá pessoal! Como vocês podem ver, decidimos começar a fazer a sessão "Na minha Caixa de Correio" para dividir com vocês as nossas aquisições. A princípio, a Caixa será feita com fotos e pretendemos publicá-la a cada 2 semanas. 

Vamos, então, à nossa primeira Caixa de Correio? :D

Essa semana, a editora Novo Conceito, parceirona aqui do blog, nos enviou 2 kits lindos!! O primeiro que iremos mostrar é "Beijada por um Anjo 5: Revelações", da autora Elizabeth Chandler. Para quem não viu, já tem resenha do primeiro volume da série aqui no blog. Provavelmente vai demorar um pouco para sair resenha desse livro, pois ainda não temos Beijada por um Anjo 2,3 e 4! 
O kit segue o mesmo padrão dos outros livros da série. O livro sempre acompanhado da famosa almofadinha com penas dentro. Também ficamos babando pelo marcador do livro. Que cor lindaaa.

O outro kit é do livro "Um Mundo Brilhante", da autora Tammy Greenwood. Nós amamos a capa desse livro. Viram os brilhinhos na capa? Que luxo! Hahaha O kit, além do marcador, caixa personalizada e livro, também veio com uma capa de chuva!

Outro livro que recebemos, de parceria com a Editora Universo dos Livros, é "Glimmerglass: O encontro de dois mundos", da autora Jenna Black. 
Já tínhamos recebido um exemplar nos início de Janeiro, mas durante a leitura percebemos que as páginas finais estavam faltando. Avisamos a editora que, prontamente, nos enviou um outro exemplar.

A próxima aquisição que a Ale ficou muito feliz em ter conseguido é "O Hobbit", do autor J.J.R. Tolkien. Esse livro foi adquirido através do site Estante Virtual, que reúne sebos e livrarias de vários cantos do Brasil. O livro veio lacrado e é novo... nunca foi aberto! O preço normal do livro é R$ 59,90 e, pelo site, comprei por R$14,50 + frete. Vale muito a pena pessoal.
Como foi notícia aqui no blog, esse ano vai estrear o filme desse livro! *-* yayy

Era isso pessoal! Comenteeem! O que acharam da nossa primeira "Na minha Caixa de Correio"?? :D

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Novidades Editora Universo dos Livros

O ano começou repleto de novidades para os leitores da Universo dos Livros. Se não bastasse o lançamento do Guia não autorizado da série The Big Bang Theory (“Big Bang, a teoria”), repleto de informações para os fãs da série de maior sucesso na TV paga, o mês de Janeiro trouxe o aguardado “Amante Meu”, oitavo volume da Saga de J.R.Ward tendo como protagonista o misterioso John que certamente vai tirar o sono de muitas leitoras (se já não tirou).

    
Big Bang – A Teoria, Guia não-autorizado da série - George Beahm

Sinopse: Big Bang – A Teoria, Guia não-autorizado da série é uma obra completa com informações e curiosidades a respeito da série de humor mais inteligente e aclamada do momento. Aqui, o leitor vai conhecer as origens do seriado, vai entender melhor os personagens por meio de análises esclarecedoras, vai aprender a desenvolver seu lado geek e vai ter uma análise microscópica de todo esse universo brilhante e hilário. 



Amante Meu - J. R. Ward

Sinopse: John Matthew já percorreu um longo caminho desde que foi encontrado vivendo entre os humanos, mas de natureza vampira desconhecida. Recolhido pela Irmandade, ninguém poderia adivinhar qual é sua verdadeira história ou sua real identidade. A bela Xhex lutou contra a atração que sentia por John, mas o destino provou aos dois que o amor é inevitável.





Ainda no mês de fevereiro, a Universo dos Livros lançará o esperado “Google, a biografia”, tradução do consagrado livro “In the plex”, sucesso de crítica nos Estados Unidos e considerado pelas revistas especializadas como o mais competente livro já escrito sobre a empresa que revolucionou a Internet.


Google – A Biografia. Como o Google, pensa, trabalha e molda nossas vidas -Steven Levy

Sinopse: Poucas corporações na história foram tão bem-sucedidas e admiradas quanto o Google, empresa que transformou a internet e que se tornou parte indispensável de nossas vidas. Como o Google fez isso? O veterano jornalista de tecnologia Steven Levy conseguiu acesso sem precedentes à empresa e, neste livro revelador, leva os leitores para dentro dos escritórios do Google – o Googleplex – e mostra como essa organização funciona. 



Mas, as novidades não param por aí! Depois do estrondoso sucesso do livro “Pescadores de Corações”, escrito pelo Padre Antonio Maria, a Universo dos livros lança “Melhores filhos, melhores pais”, um verdadeiro tratado de como ter uma família feliz, escrito pelo padre Zezinho, um dos mais conhecidos sacerdotes do país e autor das principais canções religiosas que nos acostumamos a ouvir.


Melhores filhos, melhores pais - Padre Zezinho 

Sinopse: Melhores filhos, melhores pais destina-se a provocar, estimular o pensamento, fazer-nos repensar aquilo que aceitamos como regra, sem apontar culpados ou vítimas. Serve a católicos, cristãos e pessoas de outras crenças que desejam entender melhor os problemas que se apresentam à vida familiar e, principalmente, as virtudes necessárias para melhorá-la e torná-la cheia de sentido, felicidade e liberdade. Para isso, o autor aborda temas como sexualidade, dinheiro, consumo, solidariedade e relações conjugais.



Outro destaque para este início de mês é mais um volume da série “50 grandes mestres”, que tem como tema a psicologia, apresentando os melhores textos e ensinamentos dos maiores mestres da mente humana, como Freud, Jung e Oliver Sacks, entre outros.

50 Grandes Mestres da Psicologia - Tom Butler-Bowdon

Sinopse: 50 Grandes Mestres da Psicologia é uma ousada tentativa de reunir aquilo de mais significativo que essa ciência já descobriu a respeito dos comportamentos e sentimentos humanos. Este novo volume da coleção “50 Grandes Mestres” se destaca pela simplicidade com que trata conceitos da Psicologia, em um livro fácil de consultar.









Em março entramos em clima do UFC (Ultimate Fighting Championship) lançando, no Brasil, um livro imperdível sobre artes marciais que apresenta, passo a passo, um programa de treinamento detalhado para aprender os principais golpes usados pelo autor em suas lutas. E quem melhor para ensinar alguém a lutar do que o maior lutador da atualidade, Anderson Silva? Isso mesmo, um livro escrito pelo próprio Anderson Silva, ensinando a leigos e profissionais os principais golpes que consagraram e lhe renderam o apelido de Spider, aranha em português.


A Bíblia do MMA - Anderson Silva, Erich Krauss e Glen Gordoza 

Sinopse: A Bíblia do MMA revela e detalha mais de 150 golpes impressionantes deste ícone do MMA, desde socos e chutes básicos até as mais complexas combinações! Fotografias super explicativas do próprio Anderson Silva exemplificam o passo a passo da narrativa.






O que Steve Jobs faria?” é outro destaque do mês de março. Após o sucesso de “O fascinante Império de Steve Jobs”, uma das mais completas biografias do inesquecível gênio da Apple, a Universo traz para o Brasil a nova obra do consagrado escritor Peter Sander, ideal para quem deseja aplicar as lições deixadas por Jobs e entender o que está por trás de uma das mentes mais geniais da história.


O que Steve Jobs faria? - Peter Sander*

Sinopse: Todos gostariam de ter a genialidade de Steve Jobs para criar produtos revolucionários e transformar sua empresa em um negócio de bilhões de dólares. Apesar de sabermos que nasce, em média, um Steve Jobs a cada século, é possível copiar e adaptar o modelo de sucesso que Jobs construiu em sua carreira à frente da Apple e da Pixar. Neste livro, Peter Sander apresenta o modelo de trabalho criado por Jobs e divide em seis etapas que o ajudarão a captar a essência da visão de Jobs sobre o modelo de gestão de empresas, permitindo assim que você se aproveite das lições do gênio da computação para ter sucesso em sua carreira e negócios.

*capa do original


Estes lançamentos representam só o início de um ano repleto de novidades que terá, inclusive, as continuações de séries de sucesso, com destaque para o volume nove da série Irmandade da Adaga Negra, de J. R. Ward, do segundo livro das séries “Carpatos”, de Christine Feehan, “Maldição do Lobisomem”, de Shannon Delany e do trilher “Se eu morrer antes de você”, da Allison Brennan. Confirmados também na grade de programação estão o novo volume da série “Midnight Breed” de Lara Adrian, o volume três da série “Interligados”, de Gena Showalter e de “Fallen Angels”, de J. R. Ward. E isso é só o começo!

Os leitores da Universo dos Livros podem esperar por muitas surpresas em 2012. Aguardem!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...